O que eu não sei dizer sobre o novo vídeo de Miley Cyrus

24 de setembro de 2013

Tratos à bola: Miley Ray Cyrus

A verdade é que eu não sei ainda o que dizer sobre o novo vídeo de Miley Cyrus.

E por que diabos eu deveria dizer algo sobre o novo vídeo de Miley Cyrus?

É porque Miley Cyrus é – ou era, sei lá – Hannah Montana, bebês.

E quem tem filha ali pelos 10, 12 anos, como eu, com certeza já viu a mocinha no seriado na tevê, no blockbuster do cinema, em 3D, em 4D, em 5G, no saco da pipoca, no brinquedinho do McDonald’s, na mochila da escola, no caderno dez matérias, na puta que o pariu, porra, Miley Cyrus, depois de só dançar, cantar e fingir que era uma adolescente normal por que cazzo você me aparece agora de calcinha branca e camisetinha (branca também, combinando, vamo combiná) montada numa bola de demolição, quebrando muros como um Roger “another brick in the wall” Waters – claro, muito mais gostosa que o Roger Waters que é um chato – enfim, porra Mileyzinha, e ainda por cima lambendo, quase chupando um martelo, caralho!?!

Tô me sentindo o Protógenes Queiroz assombrado com o ursinho Ted mas com a diferença que eu não sou tão imbecil feito o Protógenes e não levei meu filho de 10 anos pra assistir a um filme censura 16 e fiquei revoltadinho porque o bicho de pelúcia fumava maconha, falava palavrão e comia – olha que maravilha – entre outras beldades a filha do Ravi Shankar – como é mesmo o nome? – ah, sim, a Norah Jones.

Pois.

O vídeo de Miley Cyrus tá aí no youtube, no facebook, aposto que até a Ana Maria Braga vai passar pro papagaio dela lá assistir.

Minha filha tá viajando e eu não sei se ela já assistiu (e eu juro, tenho até vergonha de perguntar) ao novo vídeo de Miley Cyrus, esse aí que eu não sei ainda o que dizer sobre ele e tal.

Esse aí que já assisti umas cinco, seis, sete, vai, oito vezes pra escrever o que eu não sei escrever sobre o novo vídeo de Miley Cyrus que, nossa, cresceu a menina, hein, raspou o cabelo, fez umas tattoos, emagreceu mas numa magreza, poxa, de responsa, calçou umas botas de couro, botou calcinha – branca –, camisetinha – branca também –, esqueceu o sutiã, pra quê sutiã, né, e me deixou assim, sem saber como é que vai ser quando eu sentar no sofá ao lado da minha filha e passar o vídeo na tevê, eu vou comentar o quê, hein, eu vou dizer o quê?

– Que eu acho a Hannah Montana, agora, a maior gostosa?

– É.

2 Já Comentaram para “O que eu não sei dizer sobre o novo vídeo de Miley Cyrus”

  1. Sheyla disse:

    Massa! Ri i muito com essa crônica. E ainda bem que Virgínia não vai se empolgar muito com esses seriados, qto kyma. Bjs

  2. natalia disse:

    eu gostava muito de ti soque agora mudaste quando fazias desenhos na disney nao perdia um e eu agora so tenho 9 anos sem ofença acho que tu es a minha cantora favorita dez que começaste com esses videos nao achei muita grassa tens uma bela voz para cantares soque canta musicas alegres nao essas musicas pareces doida e tu sabes que nao es,e se foi o teu agente que compos essa cançao tu es crescida para dizer lhe vai passear para a china mas se a cançao for tua tens cabeça para pensar e o seu cabelo parece que foi assassinado ou que um animal atacou o seu cabelo

Deixe um Comentário