Delay

19 de janeiro de 2010

Somos ou não somos um povo atrasado? Segundo o novo Novo Jornal de hoje, em matéria assinada por Rafael Duarte, o soldado Cleverson Justino dos Santos e o cão Konnor (um pastor belga treinado para buscas, e, curiosamente fruto do “amor” entre um belga legítimo e uma belga-potyguar) não conseguiram ainda embarcar para o Haiti.

Se em vez do Haiti o destino fosse Miami, ou a Disneylândia, “a única contribuição potiguar às vítimas do terremoto”, a dupla Cleverson-Konnor, certamente já teria chegado, na bagagem de alguma madame ou de algum político de quatro costados.

Deixe um Comentário